Home Editora Livros Notícias Onomástica Distribuidores
 
  Maria Cristina dos Santos de Souza
Doutora em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Tradutora de obras de filosofia alemã. Professora Adjunto de filosofia da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Integra o Grupo de Trabalho (GT) de Filosofia Francesa da ANPOF com o projeto "O pensamento da subjetividade por Michel Foucault". É consultora "ad oc" da FAPEMA.
 
 

 

 
A fidelidade à terra: arte, natureza e política — assim falou Nietzsche IV

Charles Feitosa.(org.)
Miguel Angel de Barrenechea.(org.)
Paulo Pinheiro.(org.)
.
.
Oriundo do simpósio A fidelidade à terra, integrante do evento periódico Assim falou Nietzsche, este livro reflete sobre o pensamento niet- zschiano e sua influência na cultura contemporânea. Nestes tempos niilistas, em que predominam o efêmero e o provisório, em que imperam a fugacidade dos projetos e a inconsistência dos valores, a proposta de permanecermos fiéis à terra é um sintoma da força de uma filosofia que agrega esforços pensantes quando tudo desmorona. O interesse renovado por sua obra comprova que Nietzsche vislumbrou questões fundamentais de nossa era. Na polifonia desta edição, ele não surge como o atiçador que conclama à uniformidade festiva, e sim convida à pluralidade crítica. (Ver Nietzsche e os gregos, p. 84.)