Home Editora Livros Notícias Onomástica Distribuidores
 
  Mauro Grün
Doutor em Filosofia pela The University of Western Australia (reconhecido pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul como Doutorado em Educação). Membro do Comitê Editorial das seguintes revistas: Pesquisa em Educação Ambiental (UFSCar-USP-UNESP); Ambiente & Educação (FURG). Professor adjunto da Universidade do Planalto Catarinense (UNIPLAC).
 
 

 

 
Caminhos investigativos III: riscos e possibilidades de pesquisar nas fronteiras

Maria Isabel Edelweiss Bujes.(org.)
Marisa Vorraber Costa.(org.)
.
.
.
Em tempos de dissipação de limites, de movimentações em terrenos movediços, pesquisar nas fronteiras implica suspender as certezas, abdicar de rotas seguras e perder-se em regiões pantanosas, na expectativa de que isso permita fecundar ideias e projetos. A noção de limiar, ao sugerir riscos de aproximação com a instabilidade, indica, paradoxalmente, a possibilidade de sua ultrapassagem, a riqueza do delineamento de novos espaços, de inesperados territórios de poder, de outras formas de produzir saber e modos de ver. Ela é aqui tomada em sentido amplo, referindo-se a necessidades mutantes, ao surgimento de identidades visibilizadas em distintas geografias — territoriais, políticas, humanas e epistemológicas.

 
 

 

 
Caminhos investigativos I: novos olhares na pesquisa em educação

Marisa Vorraber Costa.(org.)
.
.
.
.
Concebido para pesquisadores preocupados com questões e decisões metodológicas, este livro contribui para criar saídas, frestas, desvios às grades totalizantes e homogeneizadoras das metanarrativas e buscar possibilidades para a singularização. A fim de participar do que Foucault denomina “política da verdade”, é preciso criticar o jogo de reprodução de modelos tão bem instaurado pela arquitetura epistemológica da “iluminação”, que instituiu a vigilância em todos os campos da vida social por meio de ditames tanto temáticos quanto metodológicos. Os autores apresentam seus próprios caminhos, seja na interlocução com a discursividade moderna, seja na tentativa de subversão de seus princípios.